5 de outubro de 2010

58

Aborto aprovar ou não, eis a questão?

Muito se tem falado ultimamente sobre a questão do aborto. Essa discussão sempre foi polêmica, mas ganhou proporções ainda maiores quando iniciaram-se as eleições 2010 para a Presidência da República. Você poderá ver matérias relacionadas ao modo de pensar dos candidatos nos links abaixo.

Alguns rumores indicaram que a candidata Dilma Roussef era a favor da legalização do aborto.

Relatos paralelos surgiram mais tarde informando o mesmo, porém envolvendo dessa vez o candidato José Serra.

Podemos notar que ambos estão muito mais interessados em conquistar votos do que de fato em defender o que de mais precioso há nessa questão, a vida. Vamos então considerar alguns importantes fatos que merecem ser levados em questão ao analisar-mos essa questão.aborto

Quando começa a vida humana?

“MINHA mãe biológica tinha 17 anos e estava grávida de sete meses e meio quando decidiu fazer um aborto por solução salina”, explicou Gianna. Ela acrescentou: “Eu sou a pessoa que ela tentou abortar. Sobrevivi em vez de morrer.”
Esse depoimento foi dado em 1996 por Gianna, aos 19 anos, numa audiência diante de uma comissão governamental dos Estados Unidos sobre aborto. Com sete meses e meio de gestação, as partes do corpo de Gianna estavam claramente desenvolvidas. Visto que continuou vivendo como pessoa fora do útero, é provável que você concorde que ela já era uma pessoa dentro do útero.


Então, o que dizer quando Gianna era um embrião de 5 semanas, com pouco menos de 1 centímetro de comprimento? É verdade que as partes de seu corpo não estavam totalmente formadas, mas a base de seu sistema nervoso, incluindo o cérebro, já estava estabelecida. Ela tinha um coração que batia 80 vezes por minuto, bombeando sangue pelos vasos. Isso não poderia corretamente ser denominado vida?


Já é uma pessoa no útero?

Desde a concepção, o bebê não é apenas um tecido materno, e sim uma pessoa à parte. O organismo da mãe o considera um corpo estranho que seria prontamente rejeitado se não fosse o “mundo protetor” criado dentro do útero. Essa nova vida humana — separada da mãe pelo abrigo protetor — é uma pessoa com um DNA exclusivo.
Alguns argumentam que se o corpo de uma mulher aborta espontaneamente óvulos fertilizados por causa de anormalidades, por que então um médico não poderia interromper uma gravidez? Bem, existe uma grande diferença entre morte espontânea e assassinato. Em um país sul-americano, 71 crianças em cada mil morrem em seu primeiro ano de vida. Mas seria aceitável matar uma criança com menos de 1 ano só porque tantas morrem de modo prematuro? É claro que não!

Principais métodos abortivos

  • Aborto médico ou aborto químico é uma técnica de aborto induzido que consiste na administração de fármacos com o objetivo de provocar a interrupção da gravidez sem recorrer a práticas cirúrgicas.
  • Dilatação e evacuação é uma técnica de aborto induzido utilizada em fetos a partir do terceiro mês de gestação até o quinto mês.
    Consiste em se dilatar o útero da mulher utilizando-se de lâminas. Após a dilatação, o feto é desmembrado para que seus pedaços possam ser retirados. É uma técnica que contém riscos de perfuração uterina.
  • O misoprostol é a versão sintética da prostaglandina E1 usado no tratamento e prevenção de úlcera do estômago. Esta substância também é usada ilegalmente como abortivo.
    Esta prostaglandina sintética quando age no útero causa aumento das contrações do miométrio (músculo do útero, localizado internamente ao endométrio), o que em mulheres grávidas pode causar aborto.
  • Aborto por sucção é uma técnica de aborto utilizada até doze semanas de gestação.
    Consiste em se ligar um aparelho de sucção ao útero da gestante. O aparelho cria uma sucção que despedaça o feto e a placenta. É um método muito usado nos países desenvolvidos

O que a mãe sente

aborto-1 Como se dá com outras técnicas médicas, o aborto acarreta certa medida de risco e de dor. Durante a gravidez, o colo do útero, ou cérvix, fica hermeticamente fechado para manter o bebê seguro. Dilatar o colo do útero e inserir instrumentos pode ser doloroso e traumático. O aborto por sucção pode levar mais ou menos 30 minutos, durante os quais algumas mulheres talvez sintam dores de moderadas a intensas e cãibras. No aborto por solução salina, induz-se trabalho de parto prematuro, às vezes com a ajuda de prostaglandina, substância que dá início ao trabalho de parto. As contrações podem durar horas ou até dias e podem ser dolorosas e emocionalmente extenuantes.
Entre as complicações imediatas do aborto estão hemorragia, danos ou lacerações no colo do útero, perfuração do útero, coágulos sanguíneos, reação à anestesia, convulsões, febre, calafrios e vômitos. O perigo de infecção é especialmente alto quando pedaços do bebê ou da placenta ficam no útero.

O que o bebê sente

O que sente o bebê que, aninhado em segurança no aconchego do útero da mãe, é subitamente atacado com força mortífera? Só se pode imaginar, pois essa história nunca será contada em primeira mão.
aborto8 A maioria dos abortos é realizada nas primeiras 12 semanas de vida. Nesse estágio, o pequenino feto exercita a respiração e a deglutição, e seu coração já bate. Ele pode dobrar os dedinhos dos pés, fechar a mãozinha, revirar-se em seu mundo aquoso — e sentir dor.
Muitos fetos são arrancados do útero e sugados para dentro dum recipiente por um tubo de vácuo com extremidade pontuda. Esse processo é chamado de aspiração a vácuo. A possante sucção (29 vezes superior à potência dum aspirador de pó doméstico) dilacera o corpinho. Outros bebês são abortados por dilatação e curetagem, processo em que um bisturi em forma de alça raspa a parede interna do útero, fazendo em pedaços o bebê.
Fetos com mais de 16 semanas podem morrer pelo método de aborto por solução salina, ou envenenamento por sal. Uma longa agulha perfura a bolsa d’água, retira parte do líquido amniótico e o substitui por solução salina concentrada. À medida que o bebê engole e respira, enchendo seus delicados pulmões com essa solução tóxica, ele se debate e tem convulsões. O efeito cáustico do veneno destrói a camada superficial de pele, deixando-a em carne viva e engelhada. O cérebro pode apresentar hemorragia. Uma morte dolorosa talvez ocorra dentro de algumas horas, embora vez por outra, quando o trabalho de parto começa mais ou menos um dia depois, o bebê seja expulso ainda vivo, mas agonizante.

ABORTO22

 

Assim, podemos afirmar que desde o primeiro dia de existência, ainda que no útero, há uma vida humana envolvida. E essa vida, assim como as demais, deve ser respeitada. A nação brasileira demonstrou e continua a demonstrar de forma geral que reconheçe isso e que é contra a legalização do aborto. Sim, a vida, desde a sua origem, é e continuará a ser o nosso maior bem a ser defendido.

Fontes: Watchtower.org e Wikipédia

Coloque seu email:

Início

58 comentários:

linkpremiadoblog disse...

Seu link já foi publicado! Sabia que agora o prêmio é de R$ 1.000?
Os editores pediram e Link Premiado atendeu! A troca de links já esta disponível ... aqui>>>>>> http://www.linkpremiado.com.br/link/troca aproveite!
Atenciosamente.
Antoani/Equipe Link Premiado
http://www.linkpremiado.com.br

Anônimo disse...

Eu sou totalmente contra o aborto.

Mas isso não tem ligação com a legalização do aborto. Como não?

Legalizar o aborto, em termos literais, é reconhece-lo como um processo aceitável perante a sociedade; O que de fato é contrário a opinião da maioria brasileira.
Mas será que a maioria brasileira observa todos os detalhes? Como o simples fato de que o aborto aconte, acontecia e continuará acontecendo, independentemente de ser legalizado ou não? Você mostrou algumas técnicas - mas as ilegais - falou pouco. Se for pensar no sofrimento da "mãe" e da criança, os métodos clandestinos conseguem ser ainda piores, e oferem risco de morte inclusive para a progenitora.
Então deixando de lado o politicamente correto, vamos pensar um pouco... você acha que o número de abortos vai aumentar se ele for legalizado? Alguém, seria capaz de fazer um raciocínio desses:
"Eu jogaria fora o feto do meu corpo, mas como é ILEGAL, não vou fazer". Não, não faria. Alguém que pensa em remover o feto, não se importa com o legal ou não... pois já abriu mão do IMORAL. Já ignorou sua própria consciência, e decidiu fazer como bem entender.
Logicamente, abortos escondidos continuariam a acontecer, mas seriam motivados, por exemplo, por vergonha(reduzindo o número de casos).
Qual a vantagem de legalizar o aborto?
- É possível criar medidas contra o aborto. Quem vai até uma clínica, deve passar com um psisicólogo e assistente social. Isso pode reduzir razoavelmente o número de abortos.
- Protege a saúde da mãe. Parece egoísta, mas ela abortaria de qualquer forma. Porque arricar a vida da mãe também?


Para finalizar, vale lembrar que o raciocínio que você seguiu, não é uma prova lógica formal, e portanto não pode concluir com "Sim, a vida, desde a sua origem, é e continuará a ser o nosso maior bem a ser defendido." Pois você, assim como todos as outras pessoas do planeta, é incapaz de definir formalmente "vida". mas assim como eu, compreende que o feto é uma "vida em potencial" e deveria ser protegido. Mas ser contra a Legalização do aborto, é apenas uma medida ilusoria, para dormir com a consciência tranquila... não fique satisfeito com isso...

Anônimo disse...

todo mundo eh contra pq eh hipocrita!
se sua filha ou vc com 14 ou 15 anos engravidasse...duvido que nao ia pensar em aborto pra nao estragar o resto da sua vida!
claro que se isso acontece eh por negligencia, mas de qqr forma vc nao vai querer estragar sua vida e perder sua juventude cuidando de filho!
bando de hipócritas!

Anônimo disse...

Se a raça humana fosse algo digno certamente eu seria contra o aborto, somos a única raça que mata seus semelhantes por motivos fúteis, se eu pudesse escolher seria um peixe e viveria longe dessa raça imunda e desprezível, não vai ser a proibição do aborto que vai barrar a morte dos fetos, fazer um aborto põe em risco a vida da mãe também, não são feitos abortos de forma certa, muitas vezes morre a mãe e o feto junto, seria muito mais fácil e menos imbecil o governo apoiar as mães que querem seguir essa opção e tentar mudar a visão de vida da mãe que quer abortar seu filho, mais não, nós brasileiros, os melhores e inteligentes precisamos criminalizar o fato e não procurar soluções, proibir ou não não irá mudar nada, a única solução para isso é tratar com EDUCAÇÃO as mães que optam por essa saída drástica...

D.4.C disse...

LOL para o cara (e qualquer um que concorde com ele) que acha que o futuro social de uma guria de 15 anos é mais importante que a vida de um gurizinho.
Huahuahuahuahuahuahuahua, troxa(s).

Anônimo disse...

prefiro que aborte do que ver uma criança na rua comendo lixo e se drogando.

Anna Clara disse...

#3 Ótimo chamar de hipócrita quem liga pra situação. Aborto é uma coisa ridícula, se uma menina de 14 ou 15 anos engravidar é por culpa dela, somente. Se não quer o filho dê para a adoção.

Anônimo disse...

Isso é triste, queria poder ouvir os nascituros em relação a isso, ninguém pode falar por eles quando o que se refere é a própria [s]vida[/s] morte...

Taai disse...

Sou CONTRA o aborto, mais também sou CONTRA o abandono .Por isso pessoas vamos nos conscientizar e usar camisinha, sem medo ou vergonha!

agroloco disse...

Não faz aborto, mas a mãe é despreparada a propria famila que não tem estrutura psicologica , a criança é marginalizada, regeitada na escola pelos professores,

pois se nem a familia tem interesse numa criança revoltada quem dera a escola que ja possui muitos problemas, o concelho tutelar retira essa criança da familia e manda para adoção onde ficara até os 18 anos onde possivelmente virara um bandido sociopata pois não possui amor nenhum por uma sociedade que o regeitou.

sei que seria condenar um incente a pena de morte, mas ele estara condenado a um aborto social de qualquer forma e de maneira muito mais cruel.

e como eu posso dizer que sou contra aborto. talvez posso ser contra o metodos de como ele é realizado.

muito mais simples é educar educar os filhos e das estrutura mental para saber lidar com esse tipo de situação,

e não deixar eles acharem que com 13 anos ja são adultos e podem fazer sexo como se fosse acabar o mundo amanhã, como atualmente aontece

Anônimo disse...

Sinceramente, sou a favor da legalização do aborto, eu não teria coragem de fazer, mas defendo o direito da mulher que decidi fazer. Com a legalização as mulheres poderiam seguir regras, como o tempo de gestação, e o número de abortos feito por ela.
Isso é um tema muito polêmico porque no Brasil a política para mulheres ainda é muito rudimentar. Os investimetos para saúde e para prevenção direcionado para mulheres ainda não é o suficiente. E além de tudo se mesmo sendo proibido muitas mulheres fazem, então o melhor é legalizar, para elas poderem ter uma assistencia adequada.

Espero que as pessoas compreendam meu comentário. Pecado maior é abandonar uma criança na rua sem educação, saúde, carinho e sem recursos para criá-la.

Erika disse...

Eu tenho 29 anos, aos 17 anos em plena minha juventude e se preparando para engessar na marinha um dos meus maiores sonhos eu descobri que estava gravida.

Entre o meu sonho e o meu filho decidir ter o meu filho, hoje ela tem 11 anos e é a coisa mais importante da vida faço tudo por ela.

E se algum dia a minha filha chegar pra mim e falar que esta gravida eu já mais vou falar para ela abortar, pois o que não falta hoje é informação sobre gravidez e dst, se ela teve relação e não se preveniu o problema é dela, terá que arca com as consequências.

Júlio disse...

Hipocrisia,

Gostaria de ver se sua filha fosse estuprada e tivesse gravida do estuprador (casos assim já ocorreram no país).

Vc acha certo uma mãe abandonar uma criança para tornando-a marginal?

A mãe tem o direito de escolher. Mas é algo que não pode ser banalizado, apenas casos mais extremos.

Anônimo disse...

Sou a favor, mas em caso de estupro....Caso ao contrário de jeito nenhum, é um animalq uem faz isso

Anônimo disse...

a cara .. aborto é lagal pô!

Diego F. disse...

só sou a favor do aborto caso a mulher seja vitima de estupro, caso o contrario, se ambos estavam cientes do riscos e na hora do oba oba viraram os "zoinhos" tem mais é que tomar a responsabilidade e cair na real de que filho não é brinquedo

Anônimo disse...

Prefiro que a mulherada tome vergonha na cara e feche as pernas! Se não sabe se prevenir de uma gravidez, então não faça sexo! Tomo pilula há 10 anos pq não posso ter filhos ainda! Conheço mulheres bem-informadas de todos os metodos anti-conceptivos e que mesmo assim engravidaram e abortaram... ai que odio!!! O pior caso é a do bebe que já estava no 6o mes de gestação... O prazer falou mais alto? ENTÃO ENGULA! A culpa é das mulheres sim, o poder de engravidar está na gente! Se o cara não aceita camisinha, então não transa! Ou tome pilula ou sei lá o que! A não ser em casos de estupros... esse não tem o que falar.

ervelin disse...

SOU A FAVOR DO ABORTO e dani-se _|_

Deve estar cheio de falsos moralistas aqui!
HIPÓCRITAS RELIGIOSOS

Pecado maior é abandonar uma criança na rua sem educação, saúde, carinho e sem recursos para criá-la.[2]

Rodrigo disse...

SOU TOTALMENTE A FAVOR DO ABORTO!

Pecado maior é abandonar uma criança na rua sem educação, saúde, carinho e sem recursos para criá-la.[3]

Jeniss Walker disse...

Engraçado que muitos aqui são a favor do aborto. Nos comentários, fala-se muito do direito das mulheres e coisa assim (defendo isso). Mas poucos comentam sobre métodos anti-contraceptivos. Independente de lei ou não, os "açougueiros" continuarão com as "intervenções" normalmente. O que falta é vergonha na cara de homens e mulheres quanto ao usar métodos para evitar tal resultado. Deveriam de cuidar para que não cheguem ao ponto de cometer esse homicídio com seres inocentes.

Anônimo disse...

Se Teve a responsabilidade de fazer o filho;vai ter q ter a mesma pra cuidar.

Anônimo disse...

Sou a favor do aborto, em casos de estupros a mulher é obrigada a sustentar um filho de um estuprador? Acho que não. O ser humano tem direitos sobre o seu próprio corpo.
Você proproem um título de forma imparcial mas é inclinado as idéias de direita e contra aborto, influenciando opiniões e não deixando espaço para oposições e discussões.
Acho que vc está pouco informado sobre alguns dados a respeito do desenvolvimento do sistema nervoso em um feto, coloque referências bibliográficas confiáveis e não de wikipedia.

liz disse...

Eu sou a favor do aborto, cada um tem o direito de fazer o q bem entender com seu corpo. e não interessa qm não tah de acordo, minha opinião não vai mudar.

weslley disse...

a DILMA não é a favor do aborto gente.
é mentira esses negocios que falam dela,ela mesmo disse na tv que é mentira.

milharal disse...

Gente, não é a questão de fazer o que bem entender com o seu corpo, e sim o uso do bom senso de saber o que fazer com a vida de alguém, que mesmo estando em seu corpo não lhe pertence... "Pecado maior é abandonar uma criança na rua sem educação, saúde, carinho e sem recursos para criá-la." e amor que essa criança tem em seu coração? e a vontade que ela pode ter de crescer, educar-se procurar seus proprios recursos para viver bem? e a família que poderia ter adotado-a(o) e dado amor e carinho que todos precisam? "Deve estar cheio de falsos moralistas aqui!
HIPÓCRITAS RELIGIOSOS'' não é a questão de religião, é como eu disse o bom senso. As leis existem para frear as pessoas que não usam o bom senso com inteligência e ética, porém se não existisse essa lei, haveria uma matança frenética de fetos,com a lei, pelo menos algumas mães usam o bom senso e levam os bebês para adotar, ou até mesmo os criam. antes de fazermos algo, devemso pensar na consequencia do ato. Por favor, procurem o significado de bom senso... è uma coisa que hoje em dia pouquissímas pessoas tem, e/ou usam

Immortalz disse...

Quem manda no corpo da mulher é a própria mulher não o governo ou um lixo de uma religião.

Anônimo disse...

Sou a favor...

Ser contra não diminue a quantidade de mulheres que praticam o aborto todos os dias, mesmo sendo proibido...
Algumas morrem, ou ficam sequeladas, mas as que tem dinheiro, fazem em clínicas caras, por baixo dos panos e isso não vai mudar.
Então, cada uma sabe oq quer ou não para sua vida!

Solano disse...

Interessante o texto, muito interessante, faz a pessoa pensar!Porém, eu esperava uma crítica imparcial,já que o título do texto é "Aborto aprovar ou não, eis a questão?"...Todavia, percebi que o autor se posiciona, claramente, contra o aborto no final do texto.Tirando esse pequeno detalhe, ótimo texto, tens meus parabéns!
abraços \o

Anônimo disse...

Eu até gostaria de ler o texto, mas essa estrelas no fundo do site impossibilitaram minha leitura...

Diego Cardoso disse...

Se fez a merda de por um ser no mundo, é não pode criar, ou então sabe que não poderá dar um bom futuro pro mesmo, melhor abortar, do que por mais um ser que no futuro fará o mesmo caso permaneça vivo!

Anônimo disse...

... a mulher pode fazer o que quiser com o corpo ... desculpa, mas tem outra vida lá dentro ! não quer ter filhos ? feche as pernas ! use camisinha ! tome pilula ! transar todo mundo quer, agora ser responsável ... todo mundo quer o caminho mais fácil ! pessoas que não são a favor da vida não mereciam nem ter uma !

Bruna disse...

cara, sou a favor da legalização do aborto até as 12 semanas, quando ao contrário do que pensam, os fetos não tem consciencia da sua existencia, eles são como uma pessoa com morte cerebral, tem o coração batendo mas não o cérebro funcionando. Dizer que o aborto até as 12 semanas é doloroso para a criança é mentira, é comparável com o desligamento das máquinas quando a pessoa tem morte cerebral, nenhum dos dois tem é algo a mais que um corpo.
e outra, se voc é contra o aborto, simples, não aborte. Agora, o estado tem que ser neutro, ele não pode partir do presuposto que todos os cidadãos tenham a mesma crença, a legalização do aborto não vai mudar a crença de ninguém, se voc é contra vai continuar sendo e não vai praticá-lo. Sou totalmente a favor desde que até as 12 semanas, quando o feto NÃO tem consciencia da sua existencia, NÃO sente dor, é apenas um corpo.

p.s. descullpa a falta de acentos em algumas palavras, princiaplmente o circunflexo, maso shift não tá funcionando

Davis disse...

A mulher pode fazer o que quiser com o próprio corpo. Inclusive ligar o cérebro e usar métodos anti-concepcionais se não quer ter um filho. Agora, fazer um filho nos dias de hoje e depois simplesmente extirpá-lo como se fosse um parasita indesejado é o cúmulo da escrotice.

Casos excepcionais como estupro e má-formação são uma coisa, abortar por conveniência (seja ela qual for) é aberração. Sou completamente contra o aborto, e não vai ter lei que me faça ver as coisas de outra forma.

As pessoas falam que acontece direto de forma clandestina por aí, e muitas mulheres arriscam suas vidas e por isso o estado tem que intervir. E tem mesmo. Prendendo os safados que se dizem médicos e abortam e as mulheres que procuram as clínicas com esse fim. Problema delas, só delas, a criança não tem culpa.

E vai perguntar pra qualquer criança que está nas ruas se ela preferia não ter nascido. Pelo menos a maioria vai dizer que a idéia é idiota. E a maioria dos abortos não vai acontecer na periferia. Vai acontecer na classe merda, onde o aborto é a onda do momento. E o plano de saúde vai acabar cobrindo.

'tatii disse...

e tem gente que ainda acha certo. ¬¬

se uma menina de 14, 15 engravidou foi pq abriu as pernas!

e se for estupro?:
bemm acho que muitas mulheres acabam gerando. mas se não quer criar, tem muita gente que não pode ter filhos e espera muito tempo na fila de adoção.

Anônimo disse...

Com ou sem a legalidade, o aborto acontece.

Mesmo que legalize, a burocracia e a vergonha fará a menina procurar a clandestinidade.

Em países que foi liberado, o aborto diminuiu.

Sou a favor de um encolhimento da sociedade...

Estamos em 6 bilhões e crescendo...

Os recursos naturais ficaram cada vez mais dificeis..

Sou a favor de 1 filho por casal para diminuir a sociedade pela metade em 30 anos...

gerne2006 disse...

Sou totalmente contra, o aborto é uma folga nojenta e repugnante. Sou adotado, nem sei quem é minha mãe biológica, mas se ela me abortasse por pura folga seria revoltante, e se tem uma coisa que eu mais odeio é folga. Os casais querem virar-os-zoinho e na hora do vacilo querem jogar fora o feto?! Que egoísmo infernal esse hein! Pra mim a lei tá certinha já, só pode abortar se for estupro e risco de morte.

gerne2006 disse...

Peraí, a Record nun colocava uma propaganda insinuando ser a favor do aborto não? ... Que a mulher ganhou o direito de votar, de escolher a saia pra vestir, de ser independente, porque não escolher fazer o que bem quiser com o próprio corpo? Aborto, uma questão de vida... Nun era isso não?

Anônimo disse...

Sinceramente? Deveriam legalizar. Quem quiser fazer, faça, ué. Se você é contra, é só não fazer e não se meter na vida de quem faz. E além do mais, a última coisa que o mundo precisa agora é mais gente, pensa bem, vários recursos se esgotariam, mais gente pra poluir e consumir. O mundo realmente não necessita disso.

Marccelo disse...

Ridículo e tendencioso. É contra o aborto? Não aborte. Pare de encher o saco dos outros.

Anônimo disse...

E agora me diz, qual o problema de se legalizar o aborto? Você acha que por isso as pessoas vão passar a abortar? Para ne, é a mesma coisa de legalizar droga, não vai ser porque legalizou que todo mundo vai usar --'

Anita disse...

Primeiro que HOMEM não aborta, então nem tem que se meter nisso, a não ser que seja o pai da criança, segundo a igreja, que não paga imposto, deveria se preocupar em punir padres pedófilos e ajudar os que necessitam, que ficar se metendo nesse assunto. Sou totalmente a favor, é ser muito ignorante mandar 'fechar as pernas', como se a culpa disso fosse só da mulher. E quanto á adoção, desculpem, as filas que existem é pra bebês brancos de até 1 dia ha alguns meses, o que NÃO corresponde a maioria dos que se encontram disponíveis pra adoção. A maioria dessas crianças ficam sem ninguém, vão virar o que? Bando de falsos moralistas. E outra, só o que eu vejo ( pq conheço) é gente que se diz contra, fica ultrajado com o aborto mas se a amante engravidar, manda abortar, se a filha engravidar, manda abortar, se for médico, pagando X mil reais, tira o feto.

JEVPREPAREM disse...

"Amarás a Deus de todo o teu coração, e a teu próximo, como a si mesmo..." Os mandamentos maiores. A Lei máxima.

Anônimo disse...

Ai ai quanta HIPOCRISIA. Mandar criança pra adoção? FICOU LOUCA? Ela vai parar em um ABRIGO, sem a menor CONDIÇÃO, vai virar um CRIMINOSO, e todo o processo vai destruir uma família inteira, e o RESTO DA SOCIEDADE!

A hipocrisia dos crentes e cristãos em geral é deprimente. Em nome de "Deus" (em aspas, porque Deus não é estúpido), vale mais destruir uma nova vida e TODAS ao redor do que preservar a todos. Mas tudo bem, foram vocês cristãos imbecis que promoveram a estupidez das Cruzadas, vocês são capaz de qualquer coisa...

Anônimo disse...

Mais uma coisinha. Aborto é pra quando os métodos contraceptivos FALHAREM (afinal TODOS falham). Não estamos falando de tomar uma dipirona por qualquer motivo.

E não me vem falar em abstinência. Outra hipocrisia cristã que só serve pra fomentar a pedofilia e a prostituição.

Anônimo disse...

Todas as pessoas que falam que o aborto deveria ser ilegal são um bando de hipocritas.Essas pouco ligam pra vida da mãe ou então da criança assim que ela nasce.
Se você é tão a favor da vida humana, porque então não adota alguma, ao invez de tentar trazer mais um filho não desejado pra esse mundo?
O mundo é cruel meus caros, e tomar decisoes baseadas apenas em sentimentos e não em razões nunca levaram ninguem a lugar nenhum.
E digo mais, porque muitos são contra por causa de suas religiões, a igreja Católica só é contra o aborto porque não da pra praticar pedfilia em feto.

Anônimo disse...

"Anônimo disse...
Sinceramente? Deveriam legalizar. Quem quiser fazer, faça, ué. Se você é contra, é só não fazer e não se meter na vida de quem faz. E além do mais, a última coisa que o mundo precisa agora é mais gente, pensa bem, vários recursos se esgotariam, mais gente pra poluir e consumir. O mundo realmente não necessita disso."

O mundo está assim atualmente por causa de NÓS, não por causa de futuras vidas, na qual deveríamos e já sentimos necessidade de educar para fazerem o contrário do que nós fizemos.

Anônimo disse...

"Anônimo disse...
E agora me diz, qual o problema de se legalizar o aborto? Você acha que por isso as pessoas vão passar a abortar? Para ne, é a mesma coisa de legalizar droga, não vai ser porque legalizou que todo mundo vai usar --'"

Nada a ver drogas, se legalizarem o aborto não vai se tornar um vício pro ser humano, só pros indecentes como os que se drogam. Por exemplo, se legalizarem a maconha, muitos querendo e não querendo vão parar em drogas mais fortes na qual vai afetar a sociedade pois partiram pro roubo e até assassinatos(sim) para terem o que querem. Acho que a maioria das pessoas tem consciência do que é tirar a vida de alguém, sem falar que a crença em Deus (mesmo fora da religião) impede que a maioria faça.

Samy disse...

Se uma árvore caiu a 100 anos em uma floresta e ninguém viu ou ouviu, ela realmente caiu?

Sou a favor do aborto, quando criança peguei num feto e simplesmente me senti pegando num pombo morto.
É só mais um humano nesse mundo de merda, não vai mudar o futuro dos demais se uma guria abrotar ou não.
Livre-arbítrio o caralho, se ela escolhe viver bem neste mundo e você dizem que ela vai pagar na "no julgamento" deixe que ela se foda.
Sempre uso camisinha e faço o possível para que a gravidez não ocorra, mais se ocorrer um dia não quero ter a vida estragada por um filho indesejado.
SOMOS EGOÍSTAS, SÓ TA DIFÍCIL PRA ALGUNS ACEITAR ISSO.

Fabio disse...

LEGALIZAR o aborto não é OBRIGAR o aborto, e é um direito de cada um decidir o que faz com seu próprio corpo, se um bebe já e considerado assim então ja deveriam dar perpetua e pena de morte para crianças de 10 anos que roubam e assaltam!!

pilula e camisinha naum é 100% e todos sabem disso!

cada um faz consigo mesmo o que quer e ja foi provado que uma pessoa só passa a ser uma pessoa se convive e aprende com um grupo de pessoas ao contrario é só um animal

prefiro ver um cadaver ao ver mais um marginal na rua porque foi abandonado pela mãe jovem que não queriaperder a vida pra cuidar de um filho que veio muito cedo

quando um dos hipócritas forem assaltados por uma criança dessas não venham pedir ajuda pois prefiro a realidade do que a baboseira de sentimentos e frescura!

Fabio disse...

quando é com os outros todo mundo critica mas cada um pensa diferente e devia ser legalizado pra quem não quer a vida prejudicada por um filho indesejado poder abortar, quando é com você sempre pode mas nos outros não né?? isso é hipocrisia

Pierri disse...

CONTROLE DE NATALIDADE JÁ!

Sou a favor do aborto e de uma catastrofe natural de proporcão mundial, mesmo que eu for morto por ela.

Anônimo disse...

Aborto é uma decisão particular de cada um, se alguma mulher vai querer abortar, ela vai abortar, indiferente se alguma lei a favor do aborto seja sancionada.
Além de tudo, a maioria de quem opta pelo aborto são pessoas de classe baixa, que sabem que não vão ter como criar os filhos (essas pessoas geralmente tem muitos filhos.
Mas as pessoas também tem que ter conciência que ficar gerando filho para abortar é meio macabro. Uma ou quatro vezes vai de boa, mas não 30, 40.

Anônimo disse...

Como uma pessoa de familia sou contra o aborto. Mas como médico, o que vejo na pratica é que cada vez mais jovens e adolescentes (na maioria de familias religiosas) recorrem a praticas perigosas de aborto caseiro, ficando estereis no comeco da idade fertil. Enquanto nao houver politica de educacao no colegio - ensino medio e fundamental -sobre o assunto, é melhor que se libere a pratica, com apoio psicologico forte (mais da metade das que abortam desistiriam de abortar se houvesse esse apoio). Por isso, por sua saude, deveria ser liberado.

Anônimo disse...

Interessante é deixar milhões de brasileiras morrerem em clínicas clandestinas pq vc acha q a vida começa antes do nascimento. Quando um feto sobreviver fora do corpo de uma mulher por 9 meses daí vc pode começar a falar em proibir o aborto, no mais pro inferno(que não existe) pro seus ideais morais e religiosos. Não é sua vida que está na reta.

Anônimo disse...

Nos marsupiais, mias precisamente nos cangurus a fêmea se quando grávida presente que as condiçoes de criação da cria vão torná-la debilitada aborta por vontade própria. Este assunto é muito aberto para se discutir em uma simples pergunta se é ou não a favor. O feto humano não possui conciência de sua existência até aproximadamente 7 meses de vida, ou alguém aqui se lembra da barriga de sua mãe? Essa criança pode ter sido gerada por um pai estuprador, pedofilo, ou até em um momento indesejado; se o nascimento do bebê poem em risco a vida da mãe eu sou completamente a favor do aborto sim, porque não? Porque continuar acreditando piamente nessas doutrinas que a religião nos impõe enquanto fechamos os olhos para as outras? Um feto não passa de células aglomeradas, assim como uma árvore, um peixe ou quem sabe um terneiro, todos tem a mesma base, o DNA. Então não tratem o ser humano como um caso especial e se querem preservar a vida parem de comer carne de gado, nada produzido vegetalmente e só ai falem sobre a "grandeza da vida".

Anônimo disse...

Sou a favor do aborto, mas no caso de bebes anencéfalos, pois a mãe tem que pedir autorização judicial para abortar um filho sem expectativa de vida. Nossa lei legaliza no caso de estupro e risco de vida da mãe, neste caso específico não.
Agora legalizar geral? Isso não! Imagina o SUS lotado só com menina pra abortar?
Por que quem tem dinheiro paga um médico particular, faz sem risco e tira umas férias depois, mas a pobre morre, pega infecção, fica estéril...pq faz em casa ou com a vizinha que cobra R$ 500.

Anônimo disse...

Não sou só a favor do aborto como da castração humana.

Pra cada rebento novo no nordeste é grana a menos que sobre na minha mão.
Malditos!!!

Anônimo disse...

em determinadas situaçoes sou sim a favor do aborto.pois de certa forma uma jovem adoleçente ou mesmo uma criançainesperiente e sem saber o que ela aguarda pela frente poxa ela vai abrir mao de sua vida por algo que ela é!sou sim a favor do aborto se fosse uma filha minha eu ia impedila de acabar com o futuro da minha filha

Postar um comentário

Agora você é VIP. A palavra está com você agora. Aproveite e faça seu comentário!
PS.: Se for xingar, ofender ou usar palavras de baixo calão, não perca o seu tempo pois CERTAMENTE excluiremos seu comentário!
Sinta-se a vontade.

Related Posts with Thumbnails